quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

XP compra a Rico

Olá investidores,

Eu sei que estou atrasado, contudo, nos mesmos moldes do meu último post sobre o Banco do Brasil, quero compartilhar com vocês a notícia abaixo, que confirma a aquisição da Rico por parte da XP:

XP Investimentos anuncia compra de 100% do capital da Rico Corretora

A XP Investimentos anunciou nesta quinta feira (1) a aquisição de 100% do capital da Rico Corretora, fundada em 2010 e que oferece a seus clientes opções de investimentos em ações, tesouro direto, fundos, renda fixa e futuros.

A aquisição ratifica a estratégia da XP em oferecer mais opções de produtos a seus clientes. "A Rico continuará como uma corretora independente e junto com a XP preencherá a nossa prateleira de serviços", disse Guilherme Benchimol, presidente do Grupo XP em comunicado enviado à imprensa. 

O plano é que mesmo após a fusão, as corretoras sigam independentes, com experiências e equipes distintas.

"A Rico Corretora foi um sonho iniciado em 2010, e depois de muitas conversas com a XP, entendemos que realmente a nossa união seria a melhor maneira de perpetuar nossos projetos", afirma Norberto Giangrande, CEO da Rico.

A transação ainda está sujeita à, dentre outras condições, aprovação do Banco Central e do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica).


Ao contrário do meu último post sobre o BB, dessa vez eu não gostei dessa notícia não. Concorrência é mais do que bem-vinda, ainda mais no Brasil, e a XP está dominando todo o mercado de corretoras! Para quem não sabe, ela é dona também da Clear...

Mas e você, o que achou dessa mudança?

Abraços a todos!

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Banco do Brasil anuncia reestruturação

Olá investidores,

Vocês, provavelmente, já devem ter ouvido falar sobre isso, porém, para quem não ficou sabendo da notícia em si, reproduzo ela abaixo na íntegra:

BB anuncia nesta segunda plano para aposentar milhares de funcionários e fechar 402 agências


O Banco do Brasil (BBAS3) vai anunciar nesta segunda-feira, 21, em coletiva de imprensa, um plano de reestruturação da instituição que reduzirá o número de agências e oferecerá um plano de aposentadoria incentivada para até 18 mil funcionários. Simulações extraoficiais obtidas pelo Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado, apontam uma economia total de, aproximadamente, R$ 2,7 bilhões em 2017 somando a redução da estrutura física, corporativa e de pessoal, no caso de a adesão ao incentivo da aposentadoria antecipada chegue a 10 mil funcionários.

Segundo comunicado ao mercado divulgado no site da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), o BB fechará 402 agências em todo o País e transformará outras 379 em postos de atendimento ao longo do próximo ano. A economia anual com o enxugamento da estrutura é estimada pelo BB em R$ 750 milhões, sendo R$ 450 milhões da nova estrutura organizacional e R$ 300 milhões de redução de gastos com transporte de valores, segurança, locação e condomínios, manutenção de imóveis, entre outras despesas. Atualmente, o BB conta com 5.430 agências e 1.791 postos de atendimento.

O banco também fechará 28 superintendências regionais de varejo e três de governo de um total de 140. Em comunicado ao mercado, o BB informou que haverá revisão e redimensionamento da estrutura organizacional em todos os níveis: direção geral, superintendências, órgãos regionais e agências.

Em relação às agências, o BB afirmou que a rede "será reorganizada de forma a adequar-­se ao novo perfil e comportamento dos clientes, com o aproveitamento de sinergias, a otimização de estruturas e a ampliação de serviços digitais, sem comprometer a presença do BB nos municípios em que atua". Serão criados 34 escritórios digitais e ampliados os 12 que já existem. O BB não fechará agência em município onde só o
banco atua.

Aposentadoria

Aos funcionários, o banco oferecerá um plano de incentivos para até 18 mil empregados aposentarem­-se antecipadamente. Os servidores que aderirem ao plano receberão 12 salários mais indenização pelo tempo de serviço, que vai de um a três salários.

Além disso, o BB ainda ampliará o número de funcionários com jornada de seis horas de trabalho. A expectativa é que seis mil funcionários gradativamente troquem a jornada de oito para a de seis horas. Após essa mudança, somente os cargos gerenciais ficarão com jornada de oito horas.

O BB conta atualmente com 109.159 funcionários. Tanto o plano de aposentadoria como a redução de jornada são voluntários


A Minha opinião?

O BB já deveria ter feito isso há muito, mas muito tempo! Antes, ele até conseguia bater de frente com seus rivais privados (Bradesco e Itaú), atualmente, porém, o mesmo está ANOS-LUZ atrás dos dois. É só você olhar os dados dos três bancos no site do Bastter!

Assim como na Petrobras, e em outras estatais, o BB, além de ser pessimamente administrado, também deve ter vários esquemas de corrupção, que simplesmente ainda não foram descobertos...

Ou vocês já esqueceram dos empréstimos para a Sete Brasil?


Não podemos deixar de citar também os empréstimos para a socialite Val Marchiori, "amiguinha" do ex-presidente do banco, o Aldemir Bendine, mais conhecido como Dida:


É claro que o ideal seria privatizá-lo, mas não só ele, e sim TODAS as empresas estatais. Isso, contudo, não vai acontecer por iniciativa própria do governo, e menos ainda da população, que adora um Estado Leviatã em suas vidas.

Levando tudo isso em conta, ao menos a nova administração está tentando estancar a sangria. E eu acho isso ótimo, afinal, tenho um dinheirinho aplicado lá e não quero correr riscos, rs.

Abraços a todos!

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

MAKE AMERICA GREAT AGAIN

VIVA OS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA!

VIVA O CAPITALISMO!

VIVA O MITO DONALD TRUMP!


Abraços a todos!

sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Carteira de Ações Global - Parte 2

Olá investidores,

Conforme prometido, compartilho abaixo com vocês as empresas alemãs e japonesas que farão parte da minha futura nova carteira de ações:


Alemanha: Allianz, Bayer, Commerzbank, Deutsche Telekom, Nestlé* e SAP.

Eu sei que a Nestlé não é germânica, porém, ela vai entrar assim mesmo, afinal, a Suíça é logo ali, rs.

Japão: JTI, Sony, TEPCO e Tokio Marine.

Comentários, dúvidas ou sugestões?

Pode mandar bala aí embaixo!!!

Abraços a todos.

domingo, 23 de outubro de 2016

Carteira de Ações Global - Parte 1

Olá investidores,

Conforme prometido, venho por meio desse post revelar, após muito suspense, quais serão as 10 primeiras empresas que formarão a minha nova carteira de ações.

Dessa vez, porém, quero fazer algo diferente com vocês, uma "brincadeira"... Eu sempre justifico o motivo pelo qual sou sócio de uma companhia, contudo, agora eu apenas revelarei as empresas em questão, e quero que vocês façam duas coisas:

A) Descubram porque eu escolhi tal organização

B) Exponham as suas opiniões sobre elas

Levando isso em conta, abaixo estão as selecionadas, sempre lembrando que eu serei sócio de 20 empresas, sendo três do Brasil, sete dos EUA, seis da Alemanha e quatro do Japão. Hoje, para começar, serão reveladas as corporações do continente americano:

Brasil: Bradesco, Engie e Multiplan.

EUA: AT&T, Burguer King, Coca-Cola, Google, Union Pacific, Visa e Wells Fargo.

Pois então meus caros, o que acharam das minhas escolhidas? Respondam as duas perguntas que eu coloquei acima e vamos debater!!!

No próximo post, revelarei as empresas alemãs e japonesas.

Abraços a todos.

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Biblioteca IL3

Olá investidores,

Antes de mais nada, quero fazer uma mea culpa e admitir, sim, que eu estou sumido. Afinal de contas, a última postagem que eu fiz aqui no blog vai fazer quase um mês! E por que o IL3 "abandonou" a blogosfera financeira?

Sendo curto e grosso, porque eu estou trabalhando MUITO! Exatamente, não tem nenhum segredo não, rs. A minha área, felizmente, não está em crise, muito pelo contrário. Parece que justamente por causa dela, a demanda pelos meus serviços aumentaram absurdamente. E, como a mão de obra em nosso país é péssima, prefiro centralizar as tarefas, ficando bastante sobrecarregado...

Após as devidas explicações, quero compartilhar com vocês o que verdadeiramente diz respeito ao título desse post! Como eu já citei em outras ocasiões, recentemente fiz mais um trade com CMIG3, que rendeu-me um lucro líquido de quase R$ 4.000,00.

Com esse dinheiro, comprei várias coisas que eu estava precisando, dentre elas, os dois livros abaixo, que são verdadeiras OBRAS-PRIMAS, que devem fazer parte da biblioteca de qualquer investidor que queira ampliar seus conhecimentos:


Tenho certeza que todos vocês aprovariam as minhas leituras, principalmente alguns colegas como o gigante BBB, e o inteligente Frugal Simple. Quero aproveitar esse final de ano para ler bastante, tendo em vista que a partir de 2017 começa uma nova caminhada, agora com investimentos no exterior.

O meu próximo post será sobre as empresas da nova carteira de ações. Vou começar falando a respeito das companhias brasileiras que foram selecionadas para fazer parte desse novo projeto.

Abraços a todos!

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Dados sobre a liquidação da minha carteira de ações

Olá investidores,

A pedido do Guardião do Mobral, e provavelmente por curiosidade de grande parte da blogosfera financeira, revelo abaixo quais foram as rentabilidades finais da minha carteira de ações:

Mensal: 3,81%

Anual: 24,29%

Histórica (A partir de 01/2016): 24,29%

Acredito que tenha sido um valor bom, afinal, isso dá mais do que 2% ao mês, embora tenhamos alguns colegas investidores com uma rentabilidade de praticamente 3x% em 2016...

E, analisando a evolução da rentabilidade anual ao longo dos meses, como mostra a imagem abaixo, percebe-se CLARAMENTE que eu vendi tudo na hora certa. Senão no "topo", bem próximo dele:



Fora isso, compartilho também abaixo com vocês a visão geral das minhas ações, que mostra por qual valor foi vendido cada uma das minhas empresas e também o lucro ou prejuízo que obtive nas negociações em questão:


O preço de venda é médio porque algumas ordens foram executadas acima do valor que eu lancei, outras no valor exato, outras abaixo, e nem em todas as companhias ocorreram isso, contudo, acho de bom grado esclarecer essa questão.

Como podem ver, nitidamente valeu a pena esperar o Ibovespa bater nos 60.000 pontos para liquidar tudo. Das 15 empresas que faziam parte da minha carteira de ações, 14 delas, ou seja, 93,5% delas foram vendidas com ganho.

A MULT3 foi a campeã da "competição"! Ela, que sempre foi considerada uma empresa cara pelos antalistas, terminou a sua trajetória com o melhor desempenho do meu time.

Em segundo lugar veio a MDIA3, após uma recuperação simplesmente espetacular. O próprio ADP deve-se lembrar que até outro dia ela estava na casa dos 70 reais. E, fechando o pódio, temos a HGTX3, mais uma novata que foi muito criticada por alguns desinformados e mostrou todo o seu potencial.

Mas, como sempre, existe uma exceção à regra, rs. E no meu caso foi a TOTS3, que embora seja a nossa IBM tupiniquim, não vem apresentando um bom desempenho (leia lucros) nos dois últimos trimestres, inclusive tendo prejuízo no 1T15. O mercado, como vocês já sabem, precifica tudo antes e não depois, logo, tivemos esse reflexo na cotação dela.

Por outro lado, vou poder usar esse pequeno prejuízo para abater o IR devido, que, a propósito, foi MUITO menor do que eu esperava. Mas muito menor mesmo! Vou fazer um post futuro para abordar isso com mais detalhes, mas já posso adiantar que o fato do imposto ser cobrado apenas em cima do LUCRO, e não do valor total vendido, faz toda a diferença.

Abraços a todos!

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

O segredo do IL3

Olá investidores,

Vocês devem lembrar que, lá atrás, mais especificamente nesse post aqui, uma frase enigmática que eu escrevi nele. Aproveitando a situação, vou colocar ela aqui novamente:

Estou preparando uma grande mudança nos meus investimentos (o conceito vai permanecer o mesmo) e vou compartilhar ela com vocês em breve. Alguns colegas talvez já saibam do que eu estou falando, rs, mas peço sigilo ABSOLUTO para eles quanto a isso.

Pois bem... O dia da mudança chegou! Nos comentários desse próprio post, alguns colegas da nossa comunidade chutaram o que poderia ser isso, e a pessoa que acertou na mosca foi o único surfista investidor que eu conheço, rs.


Parabéns para o grande Surfista Calhorda! Um dos investidores mais saudáveis da nossa blogosfera financeira, afinal, todo mundo sabe que esporte é saúde! Ainda sobre as tentativas de adivinhação no post, alguns também acertaram, como o ADP e o PJ, e outros parcialmente, como o ilustre EI.

Indo direto ao assunto, eu decidi liquidar TODA a minha carteira de ações depois que o Ibovespa chegou nos 60k. As ordens de vendas foram todas lançadas ontem, no feriado da Independência, e praticamente 90% delas foram executadas hoje, restando uma ou outra que não pegou mas que serão alteradas amanhã.

O capital obtido com a venda das ações será aplicado, provisoriamente, em uma LCA do Banco do Brasil. A ideia é utilizar o último trimestre de 2016 para realizar todo o planejamento necessário para a mudança e só começar a aportar mesmo a partir de 01/2017.

E por que eu fiz isso? Simplesmente porque não dá para confiar no Brasil. Esse país, definitivamente, não é sério. Vou repetir:

NÃO É SÉRIO!

Deixar todo o seu capital aplicado aqui é uma loucura total. Eu não vou entrar em detalhes, porém, todo mundo sabe os inúmeros problemas que existem aqui e que nunca vão mudar, afinal, isso é CULTURAL.

Mesmo com o PT saindo do poder, a roubalheira vai continuar com o PMDB. Além disso, as chances de uma Marina Silva ou um Ciro Gomes da vida elegerem-se em 2018 é ENORME! 

O Brasil é um país esquerdista, logo, a nossa população adora um Estado inchado e grande. E vocês sabem muito bem o perigo que isso é para quem investe o seu dinheiro pensando em ter um futuro melhor...

Recomendo esse artigo do Mr. Rover, que mostra apenas uma fração de tudo ruim que existe na República Federativa das Bananas, mais conhecida como Banânia...

Sendo assim, eu decidi montar uma carteira de ações INTERNACIONAL. Em breve vou passar mais detalhes sobre ela, porém, já posso adiantar que ela será formada por 20 empresas, cada uma tendo um peso de 5%, e será dividida entre Brasil, EUA, Alemanha e Japão.

Além do mais, eu tenho um plano de imigração... E, embora eu nunca tenha saído do Brasil, tenho certeza que existem inúmeros lugares melhores para viver do que aqui. Eu tenho o sonho de morar nos EUA, por tudo o que essa grande nação representa, e tenho certeza que um dia vou conseguir realizá-lo.

E para aqueles que possam vir a duvidar de mim, o Investidor Livr3 aqui é o tipo de pessoa que mata a cobra e mostra o pau:


Que venha a nova carteira de ações!!!

Abraços a todos.

quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Fechamento (prévia) agosto de 2016

Olá investidores,

Como todos vocês devem saber, finalmente a presidANTA foi impichada! Antes tarde do que nunca, não é mesmo? Agora, tanto ela, como a jararaca, e todos os comparsas da maior máfia disfarçada de partido da história da civilização, precisam de uma passagem só de ida para Curitiba...

AVANTE OPERAÇÃO LAVA JATO!

Voltando para o campo dos investimentos, as rentabilidades da minha carteira de ações nesse mês são as seguintes:

Mensal: -1,50%

Anual: 19,73%

Histórica: 19,73%

Não foi um mês bom, porém, acredito que com a mais do que provável prisão do Capo di tutti capi nos próximos dias, poderemos ter uma estilingada ainda maior do Ibovespa, fazendo com que ele alcance os 60 mil pontos em breve.

Se bem que, mesmo com isso realizando-se, o primordial mesmo é acompanharmos as NOSSAS empresas e não o mercado. Mas fica aí o registro do que eu acho que vai acontecer daqui para frente...

Abraços a todos!

terça-feira, 9 de agosto de 2016

Aporte do mês

Olá investidores,

Chegou a hora de compartilhar com vocês o que foi adquirido no começo de agosto, para muitos, o mês do cachorro louco e do desgosto, embora eu nunca tenha entendido essas associações imbecis que alguns fazem...

Parodiando o meu grande amigo Viver de Dividendos, que por sinal tem um blog excelente, eu passei no meu mercado favorito, mais conhecido como Bovespa, e aproveitei para aumentar a minha posição na EGIE3 e na VIVT3:


Dizer o que dessas duas empresas? A Engie Brasil Energia (antiga Tractebel) é a melhor empresa de nosso mercado, segundo a palavra suprema de El Rei da blogosfera financeira. Já a Telefônica Vivo, está VOANDO baixo com a nova presidência do Amos Genish!

Enfim, entra mês, sai mês, e a minha estratégia NÃO vai mudar. Contudo, ela será aperfeiçoada em breve, rs. Mas e você, leitor inteligente, comprou o que esse mês?

Abraços a todos!